Cruzeiro eSports está de volta. O clube mineiro conhecido por seus feitos no futebol e no vôlei, anunciou a volta aos esportes eletrônicos e a entrada em diversas modalidades.

O Cruzeiro Esporte Clube adentrou aos eSports por meio de um licenciamento de marca. Entretanto, antes mesmo do final do primeiro split do CBLoL, a empresa E-Flix rompeu o contrato de parceria.

LEIAM MAIS

Com isso, o clube mineiro prometeu que voltaria aos eSports por meios próprios e com um novo modelo de negócios. Portanto, muitos aguardaram quando esse dia chegaria e ele enfim chegou.

O Cruzeiro eSports retorna com um projeto que trará times nos seguintes jogos: CS:GO, Valorant, FIFA, PES e Free Fire. Porém, eles lançarão ao longo da semana maiores informações sobre line ups.

Em seu retorno aos eSports, o Cruzeiro contará com sócios. 7W e KlashX são os primeiros parceiros nessa nova etapa, mas o dirigente Rodrigo Moreira garante que abrirá investimento para novos sócios, incluindo torcedores.

O clube ficará em São Paulo, visto que os torneios presenciais de eSports são disputados nessa cidade mas eles prometem que haverá interações tanto com o clube de futebol, quanto com os demais clubes.


Sobre a disputa da LBFF, ele afirma que não será possível entrar diretamente na Série A (pois já está completa) mas garante a entrada na Série B e promete aos torcedores times com bastante competitividade.

Caso CBLOL

Sobre o time de League of Legends e um possível retorno ao CBLOL, o dirigente Rodrigo Moreira diz que o clube brigará por meios legais, deixando para o departamento jurídico mas não entrou em detalhes.

Ele ainda afirma que, na visão dele e do Cruzeiro eSports, a vaga é de fato do clube e não da E-Flix.

#CRZisBack

Para mais notícias sobre eSports, acessem nosso portal.

Comentar via Facebook