Recentemente, a Liga Pro recebeu modificações significativas em seu formato de disputa. Essas mudanças visam a melhoria do cenário brasileiro.

A Liga Pro, organizada pela Gamers Club, sofrerá grandes mudanças em sua forma de disputa.
Porém além da mudança no regulamento, tivemos uma mudança de patrocinador. Assim, deixa de ser Alienware Liga Pro, passará a ser conhecida como Dell Gaming Liga Pro.

A Gamers Club manteve as três divisões já existentes mas, para fomentar o cenário de CS:GO no Brasil e na América do Sul, eles decidiram em modificar a Liga Pro e a Liga Principal.

A Liga Amadora permanece contando com a participação de qualquer um que paga o premium na plataforma da GC. Enquanto isso, a Liga Principal permanecerá com 64 equipes. Todavia, agora ela servirá de uma espécie de série B da Liga Pro, já que dará acesso a mesma.

Uma das grandes alterações da liga dos times profissionais, é o sistema de disputa. Antigamente, era considerado um campeão mensal. Porém (num sistema similar ao da Fórmula 1, Surfe e afins) agora será um campeonato semestral em que cada equipe somará pontos de acordo com sua colocação.
Portanto, o grande campeão da Liga Pro será aquele que somar mais pontos ao longo da temporada.

Esta mudança permitirá a disputa de duas Gamers Club Masters por ano, sendo que este campeonato é considerado o “Major brasileiro”.

Jogadores do Team Wild campeões da Gamers Club Masters(Participantes da Liga Pro) . Torneio na qual é considerado o maior do Brasil na modalidade Counter-Strike:Global Offensive
Liga Pro/ Gamers Club Masters Team Wild/Foto Reprodução: Twitter

Formato de disputa

Enquanto a Liga Principal contará com 64 equipes, a Liga Pro será disputada por 8 equipes.

A liga será disputada semestral, porém os rebaixamentos serão mensais. Portanto, a cada mês dois times sobem da Principal e dois caem da Pro.

O torneio já começará nas quartas de final e será todo disputado em md3. Porém, quem perder na primeira fase do torneio disputará uma repescagem. Se este time perder na repescagem ele será rebaixado.

Pontuação

Criou-se um novo sistema de pontuação mensal que se baseia na colocação de cada equipe. Portanto, cada pontinho conquistado poderá ser o diferencial na decisão do título.

Enquanto o o vencedor leva 60 pontos, o segundo colocado fatura 40 pontos. O terceiro e o quarto colocados levam 20 pontos e o ganhador da repescagem levará 10. Entretanto, as equipes rebaixadas não faturam nenhum ponto.

Premiação

Com a mudança no regulamento veio também a mudança na premiação.

Por consequência de um campeonato com uma duração maior, a Gamers Club dará a premiação total de 25 mil reais. Sendo que: o primeiro fatura 15 mil, o segundo 7 mil e o terceiro 3 mil.

Além disso, o seis primeiros colocados garantirão vaga direta ao Gamers Club Masters.

Gostaram da mudança na Dell Gaming Liga Pro?

Para mais notícias sobre CS:GO e outros eSports acesse nosso portal e nosso canal no Youtube.

Comentar via Facebook
Betway Brazil Esports Image Banner