River Plate adentra em mais um eSport. Dessa vez, os Los Millionarios entraram para o CS:GO.

O River Plate é um clube conhecidíssimo no futebol sul-americano. Dono de campanhas e diversos títulos na Taça Libertadores da América, o clube argentino figura no cotidiano do cidadão.

O time tem vários seguimentos desportivos, incluindo os eSports. Contudo, sua divisão de esportes eletrônicos continham representantes no LoL e nos simuladores de futebol. Agora os torcedores Millonarios (alcunha não pejorativa aos torcedores do River Plate) terão mais uma modalidade para poder assistir.

Ontem (08/07), o River oficializou sua entrada no CS:GO. Todavia, seu elenco é composto por jogadores argentinos, sendo que o mais velho tem 26 anos.

O time é composto por:  Ezequiel “⁠KUN⁠” Palmero,  Ariel “⁠arieldidi⁠” Ramirez, Mariano “⁠MRN1⁠” Santa Maria, Thomas “⁠christopher⁠” Navales, Guido “⁠guidimon⁠” Romano, e o técnico Hugo “⁠rew4z⁠” Cáceres.

Rivalidade com o Boca Juniors

Não tardou muito para que comentários sobre a rivalidade com o Boca Juniors. O tradicional clube argentino só é representado nos simuladores, não contendo nenhuma equipe de eSports.


Entretanto, há rumores de que o Boca estaria adentrando nos eSports com equipe de FIFA, CS:GO e LoL.

Enquanto não há anuncio oficial, diversas pessoas e equipes já trataram de rivalizar a entrada do River Plate ao CS:GO. O perfil oficial da FNATIC (uma das equipes mais tradicionais do eSports) comentou, fomentando a rivalidade e falando da “necessidade” do Boca Juniors criar uma equipe de CS:GO.

Enquanto o Monumental de Nuñez será representado no CS:GO (não estamos falando do estádio sendo representado nos jogos FIFA e PES), por enquanto a única representação (além do estádio nos jogos citados) da La Bombonera é a La Tribonera, do streamer gaules.

Para mais notícias sobre CS:GO, acessem nosso portal.

Comentar via Facebook