Composições com Janna, Orianna e Yuumi se destacam no Set 6 do TFT e um dos primeiros memes já foi criado: “JOY”

Talvez a melhor qualidade de um jogador de TFT seja a capacidade de improvisação, mas a característica que faz de um estrategista o mais consistente possível é conhecer combinações que funcionam bem universalmente.

Assim como o trio “Ivern, Fiddlestick e Volibear” tem sido uma linha de frente segura para quase todas as composições durante o conjunto 5.5, já temos a primeira indicação a “trinca de segurança” no conjunto 6.

Veja mais:

Nesta segunda-feira (25), o desenvolvedor chefe do jogo Stephen “Mortdog” Mortimer, postou um tweet descontraído destacando a situação:

“Ok, eu não consigo não rir disso. ainda que o balanceamento do jogo esteja me deixando louco.

“Se você trouxer JOY para sua composição, você vencerá o jogo!”

JannaOriannaYuUmi.” – Mortdog

Já que “JOY” significa alegria, então a frase funcionou bem para uma comunidade que adora nomear as estratégias.

Como a trinca de campeãs suportes já é o suficiente para duas sinergias prontinhas: 2 encantadores e 2 intelectuais, ter uma composição com Janna, Orianna e Yuumi no set 6 parece uma estratégia certeira. Separamos aqui algumas composições já indicadas por especialistas e sites de builds para você masterizar e aprimorar.

Itemização Lendária: 

TFT Comp Lendária
Reprodução: Mobalytics

Composições utilizando campeões caros sempre lideram o topo das listas. Dessa vez, o trio JOY aparece também na composição de “lendários”, aproveitado ao máximo tendo em mãos o aprimoramento “Level Up!” que permite ao jogador chegar no nível 10. Naturalmente, a estrela dessa composição é a Jinx, campeã que engloba toda a temática de “Engenhocas e Bugigangas”.

Fiora com JOY:

Comp TFT Fiora e Yone
Reprodução: Mobalytics

Dupla preferida do Techzz na final do PBE Clash, os dois desafiantes de custo 4 terão vaga garantida nas “tier lists” durante o conjunto. A itemização versátil da Fiora e bons desafiantes para carregarem itens no início do jogo trazem uma composição muito consistente para quem quer “hitar” terceiros e quartos lugares no lobby. Pelo menos por enquanto.

Jhin com JOY:

Comp TFT Jhin
Reprodução: Mobalytics

O “quatro balas” mais uma vez vem para ser protagonista do conjunto, como foi no conjunto “Destinos”, o Jhin tem custo 4 e será um carregador de dano físico. O campeão possui a característica de mecanizado, compartilhada com a Orianna. A linha de frente é composta por Braum e Leona, guarda-costas perfeitos para que o Jhin possa aniquilar em área a equipe inimiga.

Lux com JOY:

Comp TFT Lux
Reprodução: Mobalytics

Apesar de não estar mais tão dominante quanto nos primeiros dias de PBE, a Lux tem toda a pinta de ser a principal carregadora de dano mágico do conjunto. Ser um campeão de custo 4, com sinergias que amplificam o poder de habilidade e com dano em área buscando a diagonal oposta, Lux trás uma estratégia muito similar à do Vel’Koz do conjunto 5. O campeão passará por altos e baixos durante os próximos meses, até encontrar um balanceamento perfeito, uma vez que não contestado, pode ser a garantia de uma vitória.

Orianna com JY:

Comp TFT Orianna
Reprodução: Mobalytics

Se por acaso você não conseguir encontrar outro carregador apropriado, a Orianna já foi testada por vários streamers e se mostrou competente na função. O conselho é que se utilize as vagas restantes para obter o bônus de 3 socialites, garantindo vampirismo universal para o carregador. Apesar de situacional, pode ser o que irá habilitar a boneca de ferro como carregadora.

Posicionamento

A Orianna, por ser um campeão frágil, normalmente fica na linha de trás. A mecânica da campeã lembra um pouco do que fazia a Diana no último conjunto, podendo então ser um utilitário de grande efeito.

Apesar de que podemos ver mudanças na forma de utilizar a campeão, Yuumi tem se mostrado mais efetiva atrás da linha de frente, pelo menos durante o PBE Clash. Posicione a “agarradinha” atrás do seu tanque e ele durará batalhas inteiras.

Já a Janna imporá variações no posicionamento, uma vez que ela será o remédio para o “poke” que o seu “carry” irá sofrer. Tente posicionar a campeã ao lado do carregador e de forma que ela mesma não seja eliminada rapidamente.

Saiba mais sobre Teamfight Tactics aqui.

Quer jogar no PBE antes do conjunto 6 chegar no servidor oficial? Crie sua conta clicando aqui.

Eaí, gostou das composições? Faria algo diferente das que apresentamos? Deixe seu comentário e expanda nosso repertório.

Comentar via Facebook